Colheitas de Novembro

Novembro, apesar de todas as dificuldades, trouxe-me grandes alegrias literárias. Foram estas as premiações do mês:

 

  • Primeiro Lugar no IV Concurso de Poesia Serra Serata (Petrópolis – RJ), com o poema “Ouro Olímpico”.

 

  • Menção Honrosa no I Concurso Impalpável Poeira das Palavras de Poesia, com o poema “Impotência”:

http://impalpavelpoeiradaspalvras.blogspot.jp/2016/11/i-concurso-impalpavel-poeira-das.html

 

  • Primeira Menção Honrosa no 12º Concurso Literário “Prof. Armando Oliveira Lima” com o conto “Rio Negro”.

 

  • Oitavo lugar no 12º Concurso Literário “Prof. Armando Oliveira Lima” com o conto “Piruetas”.

 

  • Primeira Menção Honrosa no Concurso Literário da Academia Feminina Mineira de Letras – 2016.

 

  • Terceira Menção Honrosa no Concurso de Trovas de Taubaté – 2016 – Tema: Papa Francisco:

http://falandodetrova.com.br/taubate2016r

 

  • Quarto lugar no I Concurso de Trovas da OMT – Chile – 2016.

 

  • Destaque no I Concurso de Trovas da OMT – Panamá – 2016.

 

  • Selecionado para a edição de lançamento da Revista LiteraDigital:

http://media.wix.com/ugd/679e87_0b6532db0fc24a81aa7a6599c117cf96.pdf

 

Além do mais, tive a honra de participar, através da iniciativa da Poeta Isabel Furini, de participar do Dia Internacional da Palavra (certificado que anexo aqui). Obrigado, Isabel, pelo lindo convite e certificado.

E, em dezembro, a luta, rumo a um sonho, continua.

Abraços literários a todos.

Edweine Loureirocertificado-de-edweine-com-data

Advertisements

About edweineloureiro

EDWEINE LOUREIRO nasceu em Manaus em 1975. É advogado, professor de Literatura e Idiomas, e reside no Japão desde 2001. Em 2005, obteve o Mestrado na Universidade de Osaka (Japão). Premiado em diversos concursos literários, é autor dos livros: Sonhador Sim Senhor! (Ed. Litteris, 2000), Clandestinos [e outras crônicas] (Clube de Autores, 2011) e Em Curto Espaço (Ed. Multifoco, Selo 3x4, 2012). É membro-correspondente da Academia Cabista de Letras, Artes e Ciências (RJ) e da Academia de Letras de Nordestina (BA).
This entry was posted in Textos de Edweine Loureiro. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s